Sobre a experiência brasileira com Bancos de Leite!

14 agosto 2013

Acabamos de receber o link desse video de um parceiro/amigo, e compartilhamos com todos!
Que o mundo matrice/materno saiba da importância de cada gota de leite coletada e sorvida!


Qual é a melhor mamadeira?

12 julho 2011

Resposta: NENHUMA!

Todos já conhecem o trabalho da pesquisadora Cristine Nogueira, O Desdesign da Mamadeira, que inclusive já foi divulgado aqui no blog, né?

Pois a Cristine acabou de divulgar uma apresentação no Canal Saúde da Fiocruz, mostrando parte desse importantíssimo trabalho e posterior conversa com alguns profissionais da área. Vale muitíssimo a pena assistir à apresentação!

Todos reconhecem que uma máquina de hemodiálise faz bem-feito o trabalho de filtragem dos sangue, em casos onde o rim não consegue fazer seu trabalho; mas ninguém recomenda que o rim seja trocado pela máquina rotineiramente! Pq o mesmo não acontece com as mamadeiras??


encontro especial – banco de leite

10 novembro 2010


Campanha de doação de Leite Materno

30 setembro 2009

0,,23569275,00

 

Saiu na mídia hoje que a madrinha da campanha deste ano é a Samara Filippo e sua linda filha Alicia! confiram a nota:

“Samara Felippo fez fotos para a Campanha de Doação de Leite Humano, promovida pelo Ministério da Saúde, ao lado da filha Alícia, de três meses. As fotos foram divulgadas nesta quarta-feira (30).

Esta é a primeira aparição da menina, filha da atriz com o jogador de basquete Leandrinho Barbosa. Nesta quinta-feira (1º) será comemorado, pelo sétimo ano consecutivo, o Dia Nacional da Doação de Leite Humano.

Nívea Stelmann, madrinha da garota, publicou uma foto em seu blog e elogiou a campanha. “Alícia apareceu. Linda e gostosa, orgulho da dinda. E ainda em grande estilo e por uma boa causa. Linda a campanha da doação de leite materno. Lembro que amamentei o Miguel durante um ano e três meses. Só parei porque ele desistiu. Na época, tinha muito leite e doei. Parabéns Sá por essa atitude linda e para todas as mamães que doam leite”, escreveu” link da nota

Não esqueçam sábado do nosso DESAFIO de amamentação. Venha participar. teremos vários produtos sorteados para as maes participantes, além do lindo Coral da Materna Encanto!


Secretaria de Saúde de São Paulo precisa de doadoras de leite materno

14 julho 2009

banco_de_leite

São Paulo – A Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo convoca mulheres que estão amamentando para serem doadoras de leite materno. Segundo informações da pasta, as interessadas devem entrar em contato com o banco de leite mais próximo de sua residência. Durante o inverno e o período de férias, as doações caem, em média, 20%. As interessadas devem fazer um cadastro e passar por uma avaliação médica na própria residência.

Após a avaliação, e estando apta para as doações, o banco de leite passa a retirar as doações na casa da doadora. A mãe recebe a orientação sobre a retirada do leite em casa e armazenamento de maneira correta. As mulheres consideradas potenciais doadoras devem ter boa saúde, não usar medicamentos e ter os exames sorológicos do pré-natal em dia. O leite materno doado é pasteurizado, submetido a controle de qualidade e distribuído aos bebês impossibilitados de receber o leite do seio da mãe. A lista com todos os bancos de leite do estado está no site www.fiocruz.br/redeblh.

imagem aqui

Um beijo a querida Juty que nos mandou a noticia! Noticias de amamentação? mande para nosso email!


Doação de leite humano Brasilia – ajuda

11 maio 2009

 camila pitanga

Banco de Leite chama a atenção no HRT

(08/05/2009 – 16:32)

Fotos: Renato Araújo – SES/DF

O leite materno, alimento essencial para o bebê, especialmente quando é prematuro, é um produto que salva vidas no Hospital Regional de Taguatinga. Com 14 litros diários, o Banco de Leite (BLH) abastece a UTI Neonatal, UTI Pediátrica, o PS  e as enfermarias de lactentes e alojamento conjunto.

A importância do produto é tão grande, que 1 ou 2 ml correspondem a uma refeição para um prematuro ou um bebê com baixo peso da UTI Neonatal, que chega a ter pacientes com peso próximo a 600g ou até menos. Entre os bebês de gestação normal, os pequenos recebem 10 a 15 ml, várias vezes ao dia.

O trabalho somente é possível graças à  boa vontade das mães doadoras, que por meio das coletas domiciliares fornecem 90% do leite consumido. Mais do que colaboradoras eventuais, as mães nutrizes são captadas às vezes, ainda, durante o pré-natal, com objetivo de que se tornem, posteriormente, um dos alicerces do Centro de Referência em Banco de Leite Humano do DF.

Mas a sensibilização dessas doadoras só ocorre graças ao trabalho dos profissionais do BLH,  que empenham-se em  convencer a futura doadora e ensinar-lhe como proceder para que o leite retirado não seja contaminado e, consequentemente, descartado. “É um trabalho de formiguinha, feito diariamente, ainda na maternidade”, explica a supervisora Maria das Graças Rodrigues.

Antes de chegar ao bebê, o caminho é longo e precisa ser cuidadosamente analisado, para que nada se perca. Primeiro, a mãe doadora é ensinada a retirar e armazenar o leite de acordo com as normas de higiene. Depois, o alimento é levado ao congelador doméstico  em vidros esterilizados, de onde é retirado por uma equipe do Corpo de Bombeiros, até o hospital.

Transportado em caixas isotérmicas, o leite é levado a um freezer do Banco de Leite destinado ao produto ainda cru. Após sair dessa etapa, o produto é descongelado em banho Maria , quando é feita uma análise para detecção de algum material contaminado (pelos, fios de cabelo etc.) Também nesse momento, os técnicos avaliam a cor, cheiro e característica física.

Numa segunda etapa, é feito o teste de acidez, o qual o leite deve estar inserido dentro do padrão Dornic até 8°. Uma vez dentro do estipulado, o produto vai para a pasteurização, onde fica 30 minutos a uma temperatura próxima a 62° C e imediatamente após é resfriado. Terminado esse processo, outro teste é necessário, quando é feito o controle microbiológico.

Uma vez aprovado, o leite é novamente congelado e passa a fazer parte do estoque do BLH. Todo o trabalho, desde a busca na casa da doadora, até o estoque, envolve 30 pessoas treinadas e capacitadas.

“O nosso objetivo não é só a obtenção do leite em si – explica a nutricionista Cléia Cecília Pereira -. Precisamos formar profissionais, em todos os níveis, que tenham a visão de que a amamentação é tudo e que não podemos relaxar nessa tarefa de orientar as mães, ainda no alojamento conjunto”, acrescenta.

Além das mães nutrizes, qualquer pessoa também pode auxiliar o Banco de Leite com a doação de vidros com tampa plástica que podem ser usados no armazenamento. Em Taguatinga, basta ligar para os telefones 3353 1017 ou 3352 6900, e uma pessoa da equipe busca o material na casa do doador.

Arielce Haine – SES/DF


 Banco de Leite do HRT precisa de leite materno
Estoque está baixo e pode prejudicar bebês internados

 A equipe do Banco de Leite Humano do Hospital Regional de Taguatinga (BLH/HRT) pede às mães que têm excesso de leite que façam doação, pois o estoque do hospital está baixo e pode prejudicar o atendimento a bebês prematuros internados no HRT e em outras unidades da rede.

Para doar basta ligar no 3352-6900 ou 3353-1017. A mãe receberá orientações quanto a coleta e armazenamento do leite e uma equipe do Corpo de Bombeiros ir buscar na casa da doadora.

A coordenador do BLH/HRT, Sândi Sato, informa que toda mulher saudável pode fazer doação de leite materno e que não há leite fraco. “Qualquer excedente de leite é bem vindo, pois temos no berçário bebês que tomam 10ml de leite, então qualquer quantidade que a mãe poder doar será útil e alimentará crianças que ainda não podem sulcar o leite da própria mãe”, diz a coordenadora.

 Regina Gomes – SES/DF